Ana səhifə

Comportamento do turismo na região metropolitana de manaus


Yüklə 163.97 Kb.
tarix26.06.2016
ölçüsü163.97 Kb.






COMPORTAMENTO DO TURISMO NA REGIÃO METROPOLITANA DE MANAUS



RELATÓRIO MENSAL DA PESQUISA DO COMPORTAMENTO DO TURISMO NA REGIÃO METROPOLITANTA DE MANAUS, ANO 2012 - N° 11







  • Para 35,9% dos gerentes e empresários do turismo, a taxa de ocupação no mês de outubro foi superior a setembro de 2012 (pag.2).

  • Depois de Manaus, a cidade mais procurada pelos turistas estrangeiros no Estado do Amazonas foi Parintins (pag. 5).

  • Amigos e parentes foram os principais responsáveis por induzir os turistas nacionais e estrangeiros a visitar Manaus (pag. 7).

  • Insatisfação do turista nacional com a limpeza pública ficou em 49,5% no mês de novembro de 2012 (pag. 7).

  • 27,9% dos turistas estrangeiros responderam que certamente voltarão à cidade de Manaus (pag. 8).


FECOMERCIO / IFPEAM

Telefones: (92) 3234-5222 Fax: (92) 3233-2629

Home Page: www.fecomercio-am.org.br

Emails: fecomercio-am@fecomercio-am.org.br

ifpeam@fecomercio-am.org.br

Rua: São Luís, 555 – Adrianópolis.

Manaus - Amazonas

SEBRAE

Call Center: 08005700800

Home Page: www.am.sebrae.com.br

Rua: Leonardo Malcher, 924 – Centro.

Manaus - Amazonas




DIRETORIA

JOSÉ ROBERTO TADROS

PRESIDENTE DO SISTEMA FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DE BENS, SERVIÇOS E TURISMO DO ESTADO DO AMAZONAS - FECOMÉRCIO-AM
ANTÔNIO CARLOS DA SILVA

PRESIDENTE DO CONSELHO DELIBERATIVO ESTADUAL DO SEBRAE/AM
SIMONE DE SOUZA GUIMARÃES

SUPERINTENDENTE DO SISTEMA FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DE BENS, SERVIÇOS E TURISMO DO ESTADO DO AMAZONAS – FECOMÉRCIO-AM
ANTÔNIO CARLOS MATTOS DE VASCONCELOS

DIRETOR REGIONAL DO SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO -SESC
SILVANA MARIA DE CARVALHO

DIRETORA REGIONAL DO SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL - SENAC
NELSON LUIZ GOMES VIEIRA DA ROCHA

DIRETOR SUPERINTENDENTE DO SEBRAE/AM
MAURÍCIO AUCAR SEFFAIR

DIRETOR TÉCNICO DO SEBRAE/AM
AÉCIO FLAVIO FERREIRA DA SILVA

DIRETOR ADMINISTRATIVO FINANCEIRO DO SEBRAE/AM


EQUIPE TÉCNICA
INSTITUTO FECOMÉRCIO DE PESQUISAS EMPRESARIAS DO AMAZONAS - IFPEAM
JOSÉ FERNANDO PEREIRA DA SILVA

ASSESSORIA ECONÔMICA
EMERSON RANYERE PANTOJA

TÉCNICOS OPERACIONAIS
SIDNEY GÓES TAVARES

TÉCNICOS OPERACIONAIS
LEANDRO PERES LOUREIRO

TÉCNICOS OPERACIONAIS
FELICIEN GONÇALVES VÁSQUEZ

ESTATÍSTICO

APRESENTAÇÃO
O Instituto FECOMÉRCIO de Pesquisas Empresariais do Amazonas (IFPEAM) realizou para o mês de outubro com aplicação em novembro de 2012 a pesquisa para analisar o Comportamento do Turismo na Região Metropolitana de Manaus, com o objetivo de traçar o perfil do turista que visita a região, e ao mesmo tempo, conhecer suas opiniões sobre os serviços prestados por profissionais e estabelecimentos ligados ao setor.

O presente trabalho é constituído de informações que permitirão a todos os agentes envolvidos com o turismo amazonense conhecer seu cliente e, a partir daí, formular estratégias de negócios que possibilitem a obtenção de uma posição sólida nesse mercado, que a cada dia se mostra mais competitivo.

O conceito de turista utilizado pela pesquisa são todas as pessoas não residentes na Região Metropolitana de Manaus, e que permaneceram na cidade por mais de 24 horas, para fins de passeios, negócios, congressos, movimentos culturais, religiosos, visitando parentes ou amigos.

A pesquisa conta com dois tipos de questionário, um para entrevistas com os turistas e outro para entrevistas com os gerentes ou donos de estabelecimentos ligados diretamente ao turismo. Os questionários foram formados por questões fechadas contendo também questões abertas, permitindo com isso que os entrevistados possam manifestar suas opiniões.

Na pesquisa com os gerentes ou donos de estabelecimentos ligados diretamente ao turismo, foram realizadas 90 entrevistas, por meio de uma amostragem de conveniência. Já em relação ao turista, foi calculada uma amostra com margem de erro de 5,0% e nível de confiança de 95%, totalizando 385 entrevistas, divididas proporcionalmente em 158 para turistas de origem Nacional e 227 de origem Estrangeira. Na composição da amostra, ainda levou-se em consideração os diferentes continentes e as diferentes regiões do país, de forma a obter uma amostra estratificada de todos os continentes e regiões do Brasil, com dados fornecidos pela Empresa Estadual de Turismo – Amazonas Tur.

O trabalho foi desenvolvido de acordo com uma sistemática mais preocupada com a praticidade e objetividade, ficando a critério do leitor estabelecer considerações e análises do teor. Procurou-se ainda enfatizar os dados obtidos por meio de uma apresentação gráfica de fácil leitura e compreensão.




PORTAL FECOMERCIO ACESSE:

www.fecomercio-am.org.br

RESULTADOS



1. PESQUISA COM GERENTES OU DONOS DE ESTABELECIMENTOS LIGADOS DIRETAMENTE AO TURISMO

Na avaliação dos gerentes e empresários ligados ao turismo na Cidade de Manaus, o nível de ocupação das unidades habitacionais no mês de outubro de 2012 comparado a setembro de 2012 foi superior para 35,9% dos entrevistados, igual para 50,0% e inferior para 14,1% (Gráfico 1).





Gráfico 1. Percentual segundo o nível de ocupação no mês de out/12 em relação à set/12, Manaus - AM.
Com exceção das outras formas de hospedagem, a hospedagem executiva, pacotes turísticos, eventos e pernoites foram respectivamente responsáveis pelo maior faturamento no mês de outubro (Tabela 1).

Quando questionados quanto à taxa de ocupação para o mês de dezembro de 2012, observou-se que 97,5% dos gerentes e empresários ligados ao turismo na Cidade de Manaus relataram que será bom ou muito bom, sendo que para 2,3% será indiferente e 0,2% será ruim (Gráfico 2).



Tabela 1

Média do percentual de faturamento no mês de outubro de 2012, Manaus - AM




Tipo de Hospedagem

Faturamento em (%)




Média ± DP




Pernoite




26,6 ± 18,3




Pacotes Turísticos




29,4 ± 25,0




Hospedagem Executiva




65,8 ± 26,9




Eventos




28,9 ± 22,3




Outros




78,0 ± 19,0




DP = Desvio-padrão.

As maiores dificuldades relatadas pelos gerentes e empresários para alavancar o turismo na cidade de Manaus é ausência de eventos culturais e empresariais, seguidos da melhor divulgação do Município no Brasil e no Exterior, infra-estrutura aeroportuária, ausência de incentivos fiscais e falta de infra-estrutura no Município (Gráfico 3).





Gráfico 2. Percentual segundo a expectativa da taxa de ocupação para o mês de dezembro de 2012, segundo empresários do turismo em Manaus - AM.

Nesse mês foi indagado aos empresários se sofreram algum assalto durante o mês passado, onde todos responderam negativamente.





Gráfico 3. Percentual segundo as dificuldades para alavancar o turismo em Manaus - AM.

2. PESQUISA COM O TURISTA NACIONAL E ESTRANGEIRO

No Gráfico 4 podemos observar a procedência do turista nacional que visita a região metropolitana de Manaus e no Gráfico 5, a procedência dos turistas estrangeiros.



Gráfico 4. Percentual segundo a procedência do turista nacional, Manaus - AM.

Na análise dos dados sócio-demográficos dos turistas nacionais, observou-se que a maioria era do gênero masculino, com 53,0%, a faixa etária mais frequente foi de 26 a 35 anos (52,7%), a maioria era casado (73,3%), tinha nível superior ou pós-graduação (55,8%) e eram empresários (21,6%). Já em relação ao turista estrangeiro a maioria também era do gênero masculino (63,4%), tinha entre 36 e 50 anos (33,8%), eram casados (44,2%), tinham nível superior ou pós-graduação (93,4%) e eram empresários (22,1%), como pode ser observado na tabela (Tabela 2).




Gráfico 5. Percentual segundo a procedência do turista estrangeiro, Manaus - AM.
Quando indagados sobre o meio de transporte utilizado para chegar a Manaus, a maioria dos turistas nacionais respondeu que utilizaram avião como meio de transporte (66,7%), seguido do transporte fluvial (26,1%) e transporte terrestre (7,2%). Na análise dos turistas estrangeiros, a maioria (77,1%) também utilizou o avião como meio de transporte, seguido do transporte fluvial, que representou 22,9% (Gráfico6).

Tabela 2

Distribuição segundo os dados sócio-demográficos dos turistas que visitam Manaus – AM



Variáveis

Turista (%)

Nacional

Estrangeiro

Sexo

 

 

Masculino

53,0

63,4

Feminino

47,0

36,6

Idade

 

 

< 14

-

0,8

14 a 17

-

1,5

18 a 25

3,6

23,3

26 a 35

52,7

24,1

36 a 50

29,5

33,8

> 50

14,3

16,5

Estado civil

 

 

Solteiro

18,8

40,8

Casado

73,3

44,2

Viúvo

5,9

0,8

Divorciado

2,0

14,2

Escolaridade

 

 

Fundamental

7,8

-

Médio

36,3

6,6

Superior

48,0

67,6

Pós - graduado

7,8

25,8

Profissão

 

 

Funcionário público

13,8

4,6

Empresário

21,6

22,1

Estudante

2,6

18,3

Profissional Liberal

8,6

4,6

Aposentado/Pensionista

5,2

4,6

Pesquisador

-

1,5

Outros

48,3

44,3

Conforme a Tabela 3, do total de turistas de origem nacional, a maioria (41,9%) declarou receber renda familiar mensal entre R$ 2.001,00 e R$ 6.000,00. Já em relação aos turistas estrangeiros, a faixa de renda mais frequente foi entre U$ 6.169,03 e U$ 7.402,84, com 21,0% do total de entrevistado (Tabela 4).





Gráfico 6. Percentual segundo o meio de transporte dos turistas nacionais e estrangeiros, Manaus - AM.

Tabela 3

Distribuição segundo a renda do turista nacional, Manaus – AM



Renda

(%)

Até R$ 2.000,00

12,5

De R$ 2.001,00 a R$ 4.000,00

21,4

De R$ 4.001,00 a R$ 6.000,00

20,5

De R$ 6.001,00 a R$ 8.000,00

13,4

De R$ 8.001,00 a R$ 10.000,00

7,1

De R$ 10.001,00 a R$ 12.000,00

8,9

De R$ 12.001,00 a R$ 14.000,00

8,9

De R$ 14.001,00 a R$ 16.000,00

1,8

De R$ 16.001,00 a R$ 18.000,00

3,6

De R$ 18.001,00 a R$ 20.000,00

0,9

Mais R$ 20.000,00

0,9

Na Tabela 5 estão apresentados os dados de quanto o turista nacional pretende gastar em Manaus durante sua estadia, com destaque para a faixa entre R$ 1.201,00 e R$ 1.800,00 com 23,3% do total de entrevistados. Já em relação ao turista estrangeiro, observou-se que a maioria (33,1%) pretende gastar acima de U$ 1.757,00 (Tabela 6).



Tabela 4

Distribuição segundo a renda do turista estrangeiro, Manaus – AM



Renda

(%)

Até U$ 1.233,81

6,5

De U$ 1.233,82 a U$ 2.468,22

3,2

De U$ 2.468,23 a U$ 3.701,42

7,3

De U$ 3.702,04 a U$ 4.935,23

12,9

De U$ 4.935,84 a U$ 6.169,03

10,5

De U$ 6.169,65 a U$ 7.402,84

21,0

De U$ 7.403,45 a U$ 8.636,64

7,3

De U$ 8.637,26 a U$ 9.870,45

0,8

De U$ 9.871,07 a U$ 11.104,26

3,2

De U$ 11.104,87 a R$ 12.338,06

8,1

More R$ 12.338,06

19,4


Tabela 5

Distribuição segundo o quanto o turista nacional pretende gastar em Manaus – AM



Pretensão de Gastos

(%)

Até R$ 600,00

0,9

De R$ 601,00 a R$ 1.200,00

19,0

De R$ 1.201,00 a R$ 1.800,00

23,3

De R$ 1.801,00 a R$ 2.400,00

20,7

De R$ 2.401,00 a R$ 3.000,00

22,4

De R$ 3.001,00 a R$ 3.600,00

2,6

De R$ 3.601,00 a R$ 4.200,00

4,2

Acima de R$ 4.200,00

6,9

Na análise da época em que o turista costuma viajar para Manaus, observou-se que a maioria tanto do turista nacional (93,5%), quanto de origem estrangeira (81,4%), escolhe a alta temporada (Gráfico 7).

Em relação ao tempo que o turista nacional pretende ficar em Manaus, 50% (Mediana) responderam 10 dias, com no mínimo dois e máximo de 120 dias. No Estado do Amazonas a mediana também ficou em 10 dias. Em relação ao turista estrangeiro, a mediana de permanência tanto em Manaus, quanto no Estado do Amazonas ficou em 9 dias, com mínimo um e máximo 60 dias (Tabela 7).

Tabela 6

Distribuição segundo o quanto o turista estrangeiro pretende gastar em Manaus – AM



Pretensão de Gastos

(%)

Até U$ 250,00

21,3

De U$ 251,00 a U$ 502,00

15,4

De U$ 503,00 a U$ 753,00

10,3

De U$ 754,00 a U$ 1.004,00

13,2

De U$ 1.005,00 a U$ 1.255,00

2,2

De U$ 1.256,00 a U$ 1.506,00

1,6

De U$ 1.507,00 a U$ 1.757,00

2,9

Acima de U$ 1.757,00

33,1



Gráfico 7. Percentual segundo a época em que o turista costuma viajar, Manaus - AM.
Quando indagados sobre quais as outras cidades do Amazonas que pretendiam visitar fora Manaus, a maioria dos turistas nacionais respondeu Presidente Figueiredo (70,0%). Já a maioria dos turistas estrangeiros escolheu Parintins (25,8%), (Gráfico 8).

Tabela 7

Distribuição segundo a duração da viagem tanto em Manaus quanto no Amazonas



Turista

Duração da viagem (dias)

Manaus

Amazonas

Nacional

 

 

Mínimo

2

2

25%

7

7

Mediana

10

10

75%

20

20

Máximo

120

120

Estrangeiro

 

 

Mínimo

1

1

25%

4

4

Mediana

9

9

75%

15

15

Máximo

60

60




Gráfico 8. Percentual segundo as outras cidades que os turistas pretendem visitar no Amazonas.
Em relação ao tipo de viagem, observou-se que 33,0% dos turistas nacionais viajavam individualmente, sendo 32,2% em grupo e 34,8% com a família. Já em relação ao turista estrangeiro, a maioria (36,7%) viajava em grupo, seguido da família (34,5%) e individualmente (28,8%), conforme gráfico 9.


Gráfico 9. Percentual segundo o tipo de viagem, Manaus - AM.

Em relação a organização da viagem, observou-se que a maioria tanto dos turistas nacionais quanto estrangeiros utilizam os serviços avulos, com percentuais de 84,2% e 60,1% respecitvamente (Gráfico 10).





Gráfico 10. Percentual segundo como foi organizada a viagem para Manaus – AM.
Quando indagados sobre o meio de hospedagem, observou-se que a maioria dos turistas nacionais utilizam a casa de amigos ou parentes (48,6%), já a maioria dos turistas estrangeiros se hospedam na rede hoteleira (66,9%), (Tabela 8).

Tabela 8

Distribuição segundo o meio de hospedagem que é utilizado na cidade de Manaus – AM



Hospedagem

Turista (%)

Nacional

Estrangeiro

Hotel

36,9

66,9

Pousada/Hospedaria

9,0

9,0

Casa de amigos/Parentes

48,6

2,3

Apartamento de amigos/Parentes

4,5

-

Casa própria/Alugada

-

-

Outros

0,9

21,8

Os maiores motivos relatados pelos turistas estrangeiros para visitar Manaus foram os atrativos naturais e culturais, com destaque para a fauna e flora (45,7%), seguidos dos rios e cachoeiras (39,3%). Em relação ao turista nacional, os itens mais frequentes foram negócios (22,7%) e passeios (19,3%), (Tabela 9).

Amigos e parentes foram os meios mais citados tanto pelos turistas nacionais quanto estrangeiros que os induziram a visitar Manaus, com percentuais de 33,6% e 71,1% respectivamente (Tabela 10).

Na análise do grau de satisfação do turista nacional que visita Manaus, podemos observar que os cinco itens com maior nível de satisfação foram os atrativos naturais (100,0%), hospitalidade manauara (98,1%), gastronomia (97,1%), hospedagem (96,3%) e atrativos culturais (96,2%). Em relação ao turista estrageiro se destacaram os atrativos naturais (90,2%), hospitalidade manauara (90,2%), gastronomia (90,1%), hospedagem (89,9%) e guias e monitores (89,9%). Por outro lado, limpeza pública (33,1%), segurança pública (32,1%), transporte público (28,8%), asfaltamento (26,2%) e telecomunicações (23,6%) foram os serviços que geraram a maior insatisfação por parte dos turistas estrangeiros. Em relação ao turista nacional, o destaque negativo ficou por conta da limpeza pública (49,5%), transporte público (42,7%), asfaltamento (30,4%), segurança pública (25,4%) e telecomunicações (24,1%). De maneira geral a avaliação de Manaus foi satisfatória tanto na opinião do turista nacional, quanto do turista estrangeiro, com respectivamente 95,6% e 93,5% (Tabela 11).


Tabela 9

Distribuição segundo os motivos da viagem para Manaus – AM



Motivação da Viagem

Turista (%)

Nacional

Estrangeiro

Atrativos Naturais

 

 

Praias

6,7

7,1

Fauna/Flora

7,6

45,7

Trilhas na selva

5,9

28,6

Rio/Cachoeiras

15,1

39,3

Atrativos Culturais

 

 

Folclore

2,5

26,4

Arquitetura

2,5

27,1

Monumentos/Museus

8,4

16,4

Artesanato

5,0

19,3

Gastronomia

1,7

16,4

Outros

 

 

Passeio

19,3

0,0

Saúde

6,7

0,7

Esporte/Aventura

0,8

50,7

Religião

0,8

0,7

Negócios

22,7

12,1

Congresso/Convenções

8,4

5,0

Quando indagado em relação às expectativas da viagem para Manaus, constatou-se que a maioria tanto do turista nacional (56,6%), quanto estrangeiro ( 63,0%), respondeu que de maneira geral a cidade atendeu plenamente as expectativas (Gráfico 11).

Na análise da expectativa de retorno a Manaus, a maioria (81,6%) dos turistas nacionais respondeu que certamente voltarão à cidade, enquanto que a maioria (51,5%) dos turistas estrangeiros respondeu que provavelmente retornarão a cidade (Gráfico 12).

Tabela 10

Distribuição segundo o que induziu o turista a visitar a cidade de – AM



Indução da Viagem

Turista (%)

Nacional

Estrangeiro

Folhetos/Folders

-

0,7

Radio/TV

-

3,6

Revistas

-

0,7

Publicações

-

1,4

Amigos/Parentes

71,1

33,6

Agências de viagens

15,6

26,4

Feiras/Eventos

1,1

16,4

Internet

12,2

22,9





Gráfico 11. Percentual segundo a avaliação geral da viagem a Manaus - AM.

Tabela 11

Distribuição segundo o grau de satisfação do turista que visita Manaus – AM



Grau de Satisfação

Turista Nacional (%)

I

II

III

IV

V

Atrativos naturais

57,3

42,7

-

-

-

Atrativos culturais

54,4

41,8

3,8

-

-

Sinalização turística

53,4

42,5

2,7

1,4

-

Informações turísticas

51,3

43,4

4,0

1,3

-

Hospedagem

50,5

45,8

2,8

0,9

-

Guias/Monitores

48,1

46,8

5,1

-

-

Hospitalidade Manauara

41,9

56,2

1,9

-

-

Gastronomia

40,4

56,7

2,9

-

-

Aeroporto

45,1

45,1

5,5

2,2

2,2

Serviço de taxi

19,3

57,8

16,5

4,6

1,8

Asfaltamento

19,6

50,0

25,0

4,5

0,9

Transporte público

19,1

38,2

36,4

4,5

1,8

Limpeza pública

19,2

31,3

38,4

7,1

4,0

Segurança pública

16,0

58,5

19,8

2,8

2,8

Telecomunicações

20,7

55,2

16,1

5,7

2,3

Preços

17,8

64,5

14,0

1,9

1,9

Diversão noturna

20,8

60,4

14,6

2,1

2,1

Atendimento geral

24,5

62,7

10,0

1,8

0,9

Avaliação geral de Manaus

39,5

56,1

4,4

-

-

Grau de Satisfação

Turista Estrangeiro (%)

I

II

III

IV

V

Atrativos naturais

51,9

38,3

6,8

0,8

2,3

Atrativos culturais

44,4

42,9

9,8

-

3,0

Sinalização turística

29,5

47,0

18,9

2,3

2,3

Informações turísticas

32,3

45,9

17,3

1,5

3,0

Hospedagem

40,3

49,6

6,2

2,3

1,6

Guias/Monitores

47,7

42,2

7,8

0,8

1,6

Hospitalidade Manauara

48,5

41,7

7,6

-

2,3

Gastronomia

43,5

46,6

7,6

-

2,3

Aeroporto

32,0

51,6

14,1

-

2,3

Serviço de taxi

24,1

54,9

15,8

-

5,3

Asfaltamento

16,2

57,7

17,7

2,3

6,2

Transporte público

13,6

57,6

20,8

3,2

4,8

Limpeza pública

15,4

51,5

23,1

3,1

6,9

Segurança pública

14,5

53,4

28,2

0,8

3,1

Telecomunicações

19,7

56,7

18,1

2,4

3,1

Preços

22,7

58,3

15,2

1,5

2,3

Diversão noturna

25,2

60,6

11,0

1,6

1,6

Atendimento geral

27,1

63,9

6,8

0,8

1,5

Avaliação geral de Manaus

29,0

64,5

5,8

0,7

-

I-Ótimo, II-Satisfatório, III-Regular, IV-Insatisfatório, V-Ruim




Quando indagados se recomendariam Manaus como local de turismo, a maioria (79,6%) dos turistas nacionais respondeu que certamente recomendaria, enquanto que a maioria (53,7%) dos estrangeiros respondeu provavelmente (Gráfico 13).


Gráfico 12. Percentual segundo o retorno do turista a cidade de Manaus - AM.



Gráfico 13. Percentual segundo a recomendação de Manaus como lugar de turismo.
CONSIDERAÇÕES FINAIS
O turismo na Cidade de Manaus reveste-se de fundamental importância para a perspectiva da economia local, principalmente agora que a cidade é uma das sedes da copa de 2014. Nesse sentido, com as informações geradas por está pesquisa, espera-se auxiliar tanto os agentes públicos quanto privados na formulação de seus planos para o setor.

Na visão dos gerentes e empresários, a maior dificuldade para alavancar o turismo em Manaus é a ausência de eventos culturais e empresariais, seguidos da melhor divulgação do Município no Brasil e Exterior, infra-estrutura aeroportuária, falta de incentivos fiscais e infra-estrutura do Município.

Entre as motivações da viagem para o Amazonas se destacam principalmente a procura por atrativos naturais, culturais e negócios, com destaque para a fauna, rios e cachoeiras. Motivos que também levam os turistas a visitar cidades turísticas como Presidente Figueiredo e Parintins. Durante sua visita, observa-se que a maioria dos turistas nacionais estão dispostos a gastar entre R$ 1.201,00 e R$ 1.800,00. Já os estrangeiros, estão dispostos a gastar mais de U$ 1.757,00.

Amigos e parentes induzem a maioria tanto dos turistas nacionais quanto estrangeiros a visitar Manaus e cidades como Presidente Figueiredo e Parintins.



Em relação à satisfação com Manaus, os grandes destaques foram os atrativos naturais, culturais, hospitalidade manauara e a gastronomia. Por outro lado, os serviços públicos, ainda são os grandes responsáveis pela insatisfação tanto dos turistas nacionais quanto estrangeiros, demonstrando a necessidade de investimentos no setor, de forma a melhorar a estadia dos turistas que procuram o Amazonas, e em particular o Município de Manaus.



Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©atelim.com 2016
rəhbərliyinə müraciət