Ana səhifə

Ata da XXXVII reunião do conselho nacional dos estudantes de relaçÕes internacionais, realizada durante o XIV eneri, sediada pelo escola superior de propaganda e marketing do rio grande do sul


Yüklə 34.92 Kb.
tarix25.06.2016
ölçüsü34.92 Kb.
ATA DA XXXVII REUNIÃO DO CONSELHO NACIONAL DOS ESTUDANTES DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS, REALIZADA DURANTE O XIV ENERI, SEDIADA PELO ESCOLA SUPERIOR DE PROPAGANDA E MARKETING DO RIO GRANDE DO SUL.

No dia oito de abril de dois mil e dez, na cidade de Gramado-RS. Deu-se início ao XXXVII CONERI. Sediado nas dependências do Hotel Serrano durante Encontro Nacional dos Estudantes de Relações Internacionais organizado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing do Rio Grande do Sul. Às 10:05 a presidente da FENERI Larissa Salama deu início ao CONERI. Começa então a verificação do quorum. Estavam presentes os CIERIs: ESPM- RS, FACAMP, Trevisan, FIR, UNISUL, Rio Branco, FACAMP, UNAMA, UFRGS, UFF, ESPM-SP, sendo UFSC e UFSM observadores e o CIERI UFRJ não tem direito a voto por não estarem devidamente filiados a FENERI. A presidente apresenta então a pauta do CONERI: 1º item da pauta: situação administrativa da FENERI; 2º item da pauta: projetos; 3º item da pauta: Fórum Regional Brasileiro; 4º item da pauta: eleição para sede do XXXVIII CONERI; 5º item da pauta: apresentação das candidaturas ao ENERI 2011 (a serem apresentadas pelos CIERIs FAAP e UNAMA); 6º item da pauta: apresentação das candidaturas da nova diretoria da Secretaria Geral (a serem apresentadas pelos CIERIs UNAMA e FIR). Após a leitura da pauta o CIERI UFRGS faz a sugestão de mudança de pauta para que seja discutida a candidatura do ENERI 2011 na primeira reunião, isto é, alteração do 5º item (apresentação das candidaturas ao ENERI 2011) pelo 3º item (Fórum Regional Brasileiro). A presidente Larissa Salama abre a palavra para o posicionamento da coordenação do ENERI 2010 sobre a questão de isenção de pagamentos para CIERIs com mais de 25 membros. O professor coordenador geral do evento toma a palavra e diz que a instituição não foi devidamente informada e declara que não haveria uma mudança para o pagamento da inscrição dos CIERIs. O coordenador questiona quantos CIERIs estão presentes, o que é repetido pela presidente da FENERI. Há o questionamento do CIERI UFF sobre o plano de filiação dos CIERIs e quantos alunos seriam necessários para garantir a isenção de inscrição. A presidente Larissa Salama explica como funciona filiação a FENERI e sobre a isenção de inscrições. Cora Jardine, coordenadora do ENERI 2010, ressalta que a isenção não foi prevista no orçamento inicial do ENERI e que depois não haveria mudanças, o que foi enfatizado logo após por Sérgio Wollmann. O CIERI Rio Branco pergunta se, em nenhum momento foi pensado em uma cortesia para os CIERIs, devido ao envolvimento do CIERI ESPM-RS no ENERI 2010. A presidente do CIERI ESPM-RS, Raquel Kleber, responde que entrou em contato com a instituição e desde cedo sabia que não haveria isenção de pagamento. S. Wollmann explica que devido à mudança na estrutura da organização, foi feito um novo “ramo” do CIERI para ficar responsável pelo ENERI. Devido a mais questionamentos Cora Jardine explica que devido às mudanças que ocorreram na diretoria da ESPM-RS e na nova equipe de organização, houve cortes no orçamento – grande motivo pelo qual não haveria isenções. O professor Wollmann prometeu rever a situação, respeitando a FENERI e os CIERIs, havendo coerência entre a organização e as instituições. Foi sugerido por Raphael Frizzo do CIERI Trevisan que todos os CIERIs interessados na isenção, encaminhassem seus pedidos para a organização, ponto reforçado pela presidente da FENERI e acordado com a organização do evento, dando um prazo de 15 dias para que os CIERIs se regulamentassem com a FENERI para rever a possibilidade de isenções. Abre a proposta de que haja um prazo de 15 dias para resposta. CIERIs a favor: Trevisan; FIR; ESPM-RS; Rio Branco; UNISUL; FACAMP; UNAMA; UFRGS. A proposta passa. Assim, há o seguimento da pauta: situação administrativa da FENERI. A presidente informa que entrou em contato com o Cartório de Florianópolis sobre a mudança do estatuto e como está essa mudança. O CIERI UNISUL se propõe a ajudar nessa mudança e autenticação. Continua à situação da conta da FENERI no Bradesco e sobre o acesso à mesma. A situação do caixa da FENERI é a seguinte: pagamento à STB pelas carteirinhas. A presidente Larissa Salama informa que não renovaria o contrato de 500 carteirinhas, porém, devido à vinda ao XV ENERI foi feito um contrato de 300 carteirinhas total de R$ 1 050,00. É apresentada a situação das parcelas. Pagamento contador no valor de R$465,00. Concurso de monografia- primeiro promovido pela FENERI – com o custo de R$4 500,00. Assim, o caixa atual é de R$9 391,52 reais. O CIERI FIR questiona se esse seria realmente o valor do caixa final. A presidente responde que devido a não ter acesso a conta, não teria os valores exatos. O CIERI FIR sugere que seja feito um balancete final – mensal – com uma planilha de gastos da FENERI. A presidente responde que já tem o sistema pronto. O CIERI FIR requer que essa planilha seja repassada aos CIERIs membros. A presidente diz que há a possibilidade de ser repassado mensalmente o balancete para o mailing list do CONERI. O CIERI FIR pergunta quais os incentivos que poderiam ser dados aos alunos e aos CIERIs para a venda das mesmas. O CIERI Trevisan levanta a questão de que é feito o repasse de R$1,00 por carteirinha para o CIERI que a vender. A presidente explica como funciona e informa sobre a venda de carteirinhas no ENERI 2010 e que contabilizaria o processo. O CIERI UNAMA pergunta quais os benefícios da carteirinha e a presidente explica todos os benefícios de ter a carteira da FENERI. O CIERI FIR levanta a questão da compra de carteirinhas ilegais e de que forma há o controle sobre os usuários de tais. A presidente explica que realmente há o controle pela STB, onde não há controle é nas vendas no próprio ENERI devido as implicações e a dificuldade do controle de venda no evento. A presidente registra a entrada do CIERI FAAP às 10:40. O CIERI FIR ressalta o ponto da necessidade de controle, ressaltado por Raquel Kleber presidente do CIERI ESPM-RS, já que a FENERI poderia ter problemas de não ter devido controle. Larissa Salama, presidente da FENERI sugere meios para ter maior controle. O CIERI Trevisan sugere mais meios. A presidente informa que já há um formulário para a venda que implica a responsabilidade de quem está adquirindo a carteirinha. O CIERI FIR mais uma vez reforça o ponto de contato com assessoria jurídica para um maior acompanhamento. É sugerido pelo CIERI UNAMA novos meios de controle e de incentivo. O CIEIRI Trevisan sugere ao presidente da mesa mais atenção aos oradores por questão de ordem. É repassada a situação em discussão para o CIERI FAAP. Larissa Salama lê então a proposta do CIERI UFRGS, que sugere uma mudança na pauta (anteriormente proposta). Há então a votação da proposta de alteração. CIERIs a favor: UFF; FIR; Rio Branco; UNISUL; FACAMP; UNAMA; UFRGS; ESPM-SP. CIERIs contra: Trevisan; ESPM-RS. CIERIs que se abstiveram: FACAMP. O CIERI Trevisan sugere que seja perguntado ao CIERI FAAP se eles têm o projeto pronto para a apresentação ao CONERI. É feito breve recesso para o contato com o representante do CIERI FAAP. O CIERI UNAMA sugere que a proposta da pauta deveria ser feita hoje com a justificativa de que quem tem um projeto para apresentar deve estar preparado para apresentar a qualquer hora. A mesa diz que quando elaborou a pauta, pensou numa questão de ordem da mesma, pois os assuntos mais longos devem ser deixados para os últimos dias. O CIERI UFF sugere que ao menos deve ser feita uma prévia sobre a candidatura do ENERI 2011 das duas faculdades. O CIERI FIR concorda. O CIERI FIR levanta a proposta de que seja feita uma apresentação de 10 minutos da candidatura ENERI 2011 por parte do CIERI FAAP e do CIERI UNAMA. A proposta não é aprovada. O CIERI FIR pergunta onde estão as duas atas dos últimos CONERIs. Segue a discussão sobre os projetos da FENERI. É apresentado o projeto da viagem acadêmica ao Uruguai. O CIERI Trevisan contesta sobre as diferenças das viagens para o Chile e para Argentina como Novas Lideranças para América Latina e que no Chile não houve tantas visitas quanto na Argentina. Após isso é feita a apresentação do Curso sobre Índia por Thiago Cesar, Diretor de comunicação da FENERI. O CIERI FIR sugere que além do curso ser em São Paulo, poderia ter uma filmagem via web e fosse disponibilizada para outras regiões do país. É feita também a apresentação da viagem cultural para a Amazônia. O CIERI UNAMA sugere que durante a viagem os alunos sejam levados para Belém para participarem do Sírio de Nazaré, o Diretor de comunicação da FENERI diz que o problema será os custos e CIERI UNAMA diz para prestarmos atenção nas passagens, pois essa época há muita gente querendo viajar e estará muito mais caro. É feita a apresentação da viagem para Brasília. O CIERI FIR sugere que a viagem deve ser feita na mesma época do AMUN (Americas Model United Nations), pois a viagem seria mais aproveitada e que haja um ônibus que leve os estudantes, pois taxi é muito caro. O CIERI Trevisan sugere que os projetos da FENERI sejam mais divididos entre os outros CIERIs, pois fica muito restrito ao CIERI FAAP, ou seja, dê origem ao Voluntário FENERI. Pelo estatuto, a pessoa tem que se tornar voluntária por vontade própria e assim, participar da FENERI. O CIERI FIR acredita que para ser voluntário da FENERI, a pessoa tem que ser ressarcida de custos, como de alimentação, de transporte e outros custos eventuais. A Secretária Geral afirma que nem toda Secretária Geral tem o caixa positivo para poder pagar os custos dos voluntários. O CIERI FIR diz que isso pode ser institucionalizado para que tenha boa vontade de tentar organizar, pelo menos. Isso deve ser colocado em pauta no próximo CONERI. A mesa propõe aos CIERIs que tenham interesse, colocar na pauta do próximo CONERI. É Aberto para votação. CIERIs a favor de auxiliar na elaboração da proposta: UFF; ESPM-RS; UNISUL; UNAMA; FIR; Trevisan. O CIERI UFRJ e o CIERI FIR propõem que no final da reunião deve ser discutido esse assunto. Segue para o 3º item da pauta: Fórum Regional Brasileiro. Deverá ocorrer no dia quinze de maio de dois mil e dez. O responsável pela elaboração do logo seria o CIERI ESPM-SP e isso não foi cumprido. O CIERI ESPM-RS se comprometeu a fazer a arte, e divulgar a partir do logo feito pelo CIERI ESPM-SP que não entregaram. A Secretária Geral propôs pagar, porém, ESPM-SP diz que Luis S. Guaraná, ex-presidente do CIERI ESPM-SP propôs a fazer o logo sem consultar a gestão atual e tomou uma decisão unilateral. O ex-presidente do CIERI ESPM-SP sugeriu que pegassem o logo ontem antes de iniciar o ENERI e estilizassem. O CIERI UNAMA tem propõe que quem estiver proposto a fazer o evento, que mande o projeto para a FENERI, para que esta aprove e de início a divulgação através dos CIERIs. O CIERI Trevisan opina que seria melhor adiar o evento. O CIERI Rio Branco acha que deve haver um prazo para a entrega dos projetos e que utilizem o mailing list para entrar em contato. O CIERI UFF acha que o prazo de uma semana não é suficiente para fazer o logo, pois pode correr o risco de não ser executado. O CIERI ESPM-SP afirma que tem condições de fazer um logo bom em no período de uma semana, assumindo a responsabilidade de toda a gestão. O CIERI Trevisan propõe que o CIERI ESPM-RS e o CIERI ESPM-SP façam a divulgação. O CIERI ESPM-RS declara que podem fazer o material, imprimir e divulgar o mais rápido possível e sugere que a FENERI faça também a divulgação. A FENERI concorda. O CIERI UFF sugere então, que o prazo seja até o dia quatorze de abril de dois mil e dez e nesta data tudo deverá estar pronto. O CIERI UNAMA diz que só esta esperando o logo, pois já estão chamando as empresas para participar do evento. O CIERI ESPM-SP se compromete a entregar o logo até quarta-feira (14/04/2010) para a ESPM-RS para que então eles definam as cores e imprimam. O CIERI FIR pergunta se é possível abrir uma exceção para os alunos que trabalham e fazer no sábado e domingo somente para que haja mais resultado. A mesa afirma que já não é mais possível fazer a alteração da data, pois muito CIERIs já têm a confirmação de muitos palestrantes. O CIERI UNAMA afirma que sexta-feira a tarde é opcional e que o evento começaria de fato na sexta-feira a noite. Então para que todos participem, será possível ser no final de semana. O CIERI UFF pergunta se todos estão de acordo com que o logo fique pronto hoje (08/04/2010). O CIERI ESPM-SP afirma que irão fazer hoje (08/04/2010). A mesa pergunta se tem como todos os CIERIs entregar o logo de seus CIERIs hoje (08/04/2010) até as 16h00min para a o CIERI ESPM-SP. Todos se comprometem. O CIERI Trevisan propõe que a mesa faça a divulgação do 4º item da pauta na assembléia geral. O CIERI FACAMP pode apresentar em nome da FACAMP e da Rio Branco. O CIERI UFF pergunta quanto tempo cada CIERI teria para a apresentação do fórum. Seriam 5 minutos para cada CIERI. O CIERI UFRGS afirma que foi um momento de surpresa para eles, uma vez que são da nova gestão e não têm condições de realizar o fórum, pede desculpas afirmando que as eleições foram feitas em dezembro e o então presidente Igor acabou se afastando da gestão e ficou decidido em março que eles não têm condições de realizar o fórum. A mesa pergunta se algum CIERI da região Sul teria condições de realizar o fórum. O CIERI UFRGS sugere que São Paulo fique encarregado de realizar o fórum da região Sul também. Os CIERIs UNISUL e UFSC conversaram sobre uma possível união para poderem organizar. O CIERI ESPM-RS afirma que não tem como se comprometerem a fazer agora, pois o CIERI UFRGS já tinha se comprometido e estava a cargo deles. O CIERI UFRGS deixa como opção para o CIERI UFSC fazer o evento em Santa Catarina. O CIERI Trevisan afirma que não tem como o evento ter o nome de fórum regional brasileiro e O CIERI UFRGS afirma que seria apenas um encontro da região Sul e propõe que o CIERI UFSC os ajude. O CIERI UFF afirma que o fórum foi feito para ser regional então deveria ocorrer ao mesmo tempo. O CIERI UFRGS afirma que o encontro dos estudantes de relações internacionais deles não irá ter o nome de fórum regional brasileiro, pois não será simultâneo e irá propor incluir o nome da FENERI na organização e pergunta como a FENERI os ajudaria a organizar e também tentar incluir SC. A mesa pergunta se algum CIERI da região Sul tem condição de organizar o evento. O CIERI UNISUL diz que para eles seria complicado, pois são novos no CONERI, mas vão conversar com o coordenador da UFSC e ver o que acha. A mesa propõe que amanhã (09/04/2010) dêem uma posição sobre isso. O CIERI Trevisan pergunta a FENERI se pretendem fazer do fórum um órgão interno da FENERI, assim como é o ENERI, e colocá-lo no estatuto. A FENERI diz que depende do desenrolar do evento e isso ainda será pensado. Apresentação dos CIERIs sobre o trabalho elaborado, até o então momento, para o fórum regional: CIERI Rio branco tem a proposta de fazer um memorial da América Latina, na abertura: Bozi falará sobre a carreira diplomática e o sobre o prefeito Kassab, falaria também sobre a questão da internacionalização da cidade de São Paulo. O CIERI FACAMP está em contato com o CIERI Rio Branco. O CIERI FIR tem parceria com a FIEP e irão fazer com eles um auditório, tem também parcerias com o escritório do Itamaraty no Nordeste, com a Embaixada Americana, com a Câmara de Comercio, com o Porto de Suape, dentre outros setores acadêmicos locais. O CIERI UFF debaterá sobre comércio exterior, política, área acadêmica e área de defesa. Terá mesa de debates com coordenadores de várias faculdades do Rio de Janeiro de relações internacionais; terá foco na área de estudos estratégicos; o local será o campus da UFF; terá taxa de inscrição no valor de R$25,00; devido as condições climáticas, a previsão da data seria para o dia 14/04/2010; contará com o apoio da Konrad e do CEBRI. Segue para o 4º Item da Pauta- Sede do XXXVIII CONERI. O CIERI FIR tem interesse em sediar e defende a sua candidatura, contudo, falta enviar a carta de apoio da faculdade; ainda não tem data definida, mas pensa em realizar entre o meio e o fim de outubro de dois mil e dez ou no meio de setembro de dois mil e dez. Votação; CIERIS a favor da candidatura do CONERI em Recife: Rio Branco; FAAP; UNAMA; UFRGS; FACAMP; ESPM-SP; UFF; Trevisan; FIR. É aprovado por unanimidade. Inicia-se a segunda sessão da XXXVII reunião do Conselho Nacional dos Estudantes de Relações Internacionais, realizada no Hotel Serrano em Gramado – RS no dia nove de abril de dois mil e dez as 10h06min. Faz-se a verificação do quorum. CIERIs presentes: Trevisan, ESPM-SP, ESPM-RS, FAAP, UNAMA, UFSM, UFSC, UNISUL, UFGRS. Antes de dar continuidade aos assuntos da pauta o CIERI ESPM-SP faz sua apresentação sobre o fórum regional e é decidido se haverá ou não representatividade na região sul para o fórum. Larissa Salama levanta a questão se teremos ou não algum CIERI para representar a região Sul no fórum. Diz que é muito importante para a realização do evento que várias regiões do país participem. Passa então para o 5° item da pauta: candidatura ENERI 2011, a presidente da FENERI pergunta qual CIERI gostaria de começar e fica decidido que o CIERI FAAP seria o primeiro a apresentar. Raphael Camargo, diretor de projetos começa a apresentação o tema do ENERI seria Governança Global no século XXI, reinventando os organismos internacionais. Mostra então um vídeo de divulgação da faculdade e passa então para a apresentação do evento, a sede será na cidade de Brasília nos dias 13 a 16 de maio, o publico esperado para o evento esta em cerca de 2.000 participantes, tendo como publico atingido de 100.000 pessoas. Os palestrantes cotados para participarem são Koffi Anna, Jim O Neil, Ricardo Lago, entre outros. O preço do primeiro lote seria de R$140,00 a parte acadêmica e R$160,00 festas, totalizando R$300,00 o primeiro lote. O orçamento final do evento esta por volta de R$ 633.079,00 sendo que os possíveis patrocinadores são: Sadia, Itaú Cultura, CEI, CEBRI, Konrad Adenauer, Bradesco, FUNAG e etc. As festão serão Casino Royale, Pimp´ho e festa latina, Raphael Camargo diz que o CIERI possui CNPJ para realizar o evento, será realizado o repasse para o ENERI, haverá isenções para os CIERIs e também o camarote para o CONERI. A mesa passa então a palavra para o CIERI UNAMA fazer a sua apresentação. Derly, representante do CIERI UNAMA começa então a apresentação, onde o tema será Amazônia uma nova visão para o mundo, diz que a UNAMA é a primeira universidade da região cujo principal intuito do evento é levar o Brasil para a Amazônia onde estes poderão se conhecer melhor. A data do evento seria de 5 a 8 de maio, a organização contará como o apoio do Jornal Diário do Pará, Prefeitura de Belém, o CARI UNAMA, DCE UNAMA, a própria UNAMA, Governo do Estado do Pará e mais de trinta parceiros e patrocinadores como: SEMA, CVC Turismo, Paratur, Gol, SEBRAE, Vale entre outros. Alguns temas que serão debatidos são, “riquezas naturais do Brasil e da Amazônia”, “políticas publicas do Brasil e como elas afetam a Amazônia” e o “ papel das ONGs no contexto internacional”. Os palestrantes cotados são Al Gore, Prof. Dr. Lucio Flavio Pinto, Dra. Bertha K. Bether, Dra. Luiza Bastos, ONGs WWF, Greenpeace, CDI, Prof. Sueli Menezes e a Dra. Mercedes Petit. O orçamento do evento tem uma receita total estimada de R$410.500,00 sendo que o custo total será de R$353.000,00. O primeiro lote acadêmico será no valor de R$50,00, o segundo R$100,00 e o terceiro R$150,00. Os temas das festas serão na Boate Louvre cujo tema será lendas e mistérios de Iara. Derly continua sua exposição falando que o publico esperado é de 2.600 estudantes de todo o Brasil e dos países vizinhos a região amazônica. A empresa RBA, empresa filiada a Rede Bandeirantes irá divulgar o evento em escala nacional. As passagens áreas esta por volta de R$400,00 ida e volta. Confirmaram que será feito o repasse de 5% para a FENERI ao termino do ENERI. Afirmam tambem que possuem um CNPJ e um próprio site para que seja realizada a inscrição. Cita tambem a hospedagem solidaria. A mesa reconhece a presença do CIERI UFF as 10:15 e do CIERI Rio Branco as 10:30. A mesa abre para que sejam realizadas propostas e perguntas. O CIERI Trevisan propõem que se o CIERI não tiver um CNPJ não poderão cediar o evento e estes terão um prazo de dois meses para ter um CNPJ. O CIERI UNAMA responde que possui um CNPJ da faculdade e do DCE. O CIERI FIR alega que a proposta deveria ser para as duas faculdade e não só para o CIERI UNAMA. O CIERI UNAMA ressalta que já possuem CNPJ da faculdade. O CIERI Trevisan propõe que os mesmo assumirão o evento apenas se possuírem um CNPJ valida em dois meses. A mesa abre votação para a proposta do CIERI Trevisan, todos estão a favor portanto esta proposta passa, sendo que o CIERI UFF se absteve. O CIERI FAAP pergunta se os computadores da faculdade estarão disponíveis para os alunos durante o evento. O CIERI UNAMA responde que sim. O CIERI UFRJ sugere que os temas do ENERI propostos pelo CIERI UNAMA não seja totalmente ligado a Amazônia. O CIERI Trevisan aponta que o evento e de âmbito nacional e assim somente os alunos do Brasil podem participar, não podendo participar ou contar com a presença de estudantes da Bolívia, Colômbia e etc. A mesa passa então para o item seis da pauta, Candidatura da Secretaria Geral. O CIERI FIR traz uma prestação e a proposta para expor a candidatura. Tem o apoio institucional da FIR para abraçar a SG, perguntando se poderá se candidatar mesmo não tento participado da pré-candidatura. A mesa abre para votação e a proposta passa por unanimidade. A presidente do CIERI FAAP retira a candidatura para a SG pela falta do apoio da faculdade. Larissa fala que a diretoria da faculdade prefere se preocupar e apoiar apenas a organização do ENERI, sem deixando a FENERI de lado. Começa então as apresentações, CIERI UNAMA, pleito a candidatura da SG, começa então a apresentação. O CIERI possui uma equipe muito boa, apoio institucional, do DCE, do CARI e da TV e Radio UNAMA. As principais propostas: manter todos os projetos que a antiga gestão já tem, colocar novas idéias conjunto as faculdades de todo Brasil, criar mais 3 CIERIs em cada região, abrir um fórum permanente de discussão a respeito do foco dos estudantes de RI. Taxas e anuidades : desconto da anuidade para os CIERIs que sediaram algum evento ao longo do ano, assim como a criação de um fundo de apoio aos CIERIs candidatos a algum evento. A mesa abre para perguntas. O CIERI Trevisan pergunta se tem apoio da faculdade. O CIERI UNAMA responde que sim. Os CIERIs UFRJ e UFF falam que fazem jogos internacionais e pergunta como será elaborado os jogos olímpicos da UNAMA. O CIERI FACAMP pergunta como a UNAMA conseguira dinheiro para cobrir todos esses eventos. A UNAMA diz que através da anuidade, dos eventos, também com venda das revistas. O CIERI ESPM-RS pergunta como seria com a saída da Julia que vai se formar do CIERI UNAMA, diz que a equipe e muito boa e competente não sendo nenhum problema a saída da Julia. Toda a equipe e focada para uma área especifica, como contato com ONGs, ou com projetos de captação de recursos. O CIERI Rio Branco pergunta se toda a equipe e a mesma que a equipe do CA por causa da divisão das funções. O CIERI FAAP ressalta sobre a estrutura da FENERI : escritório, telefone, bolsa da faculdade dando dicas para a UNAMA. O estatuto esta em Floripa e vai ser tirado o nome da atual gestão da FENERI. A conta do Bradesco vai ser assumida pela nova SG em outubro. O CIERI UNAMA ressalta que não trouxeram a carta de apoio da faculdade para a candidatura da SG, porem o coordenador do curso veio e fala sobre o projeto da UNAMA, da facilidade de transporte para chegar ate Belém. A SG fala que em um mês deve ser entregue a carta de apoio da faculdade UNAMA. A FENERI e uma entidade sem fins lucrativos e porem precisa assim como qualquer outra empresa declarar tudo a receita federal sendo extremante necessário um contador, o qual custa para a atual SG 450,00 por mês de contador e esse e um custo alto que a FENERI precisa para ser devidamente mantida, ressalta o CIERI FAAP. O CIERI UNAMA afirma que possuem uma assessoria jurídica. A mesa passa então para a proposta do CIERI FIR: parcerias estratégicas com os setores de atuação do internacionalista, trazer maior visibilidade as ações da FENERI tem território nacional e uma continuação dos projetos da gestão anterior. Precisa existir um grupo de voluntários para dar apoio a FENERI. Maior ênfase em uma regionalização da FENERI. Levar SG a Recife pois tem um porto muito bom, que tem trazido muitos investimentos a cidade, eles tem um pólo cultural imenso (Olinda). Recife e um grande centro urbano, uma boa infra estrutura de transporte, com vôos direitos e companhias rodoviárias. Economia de recife e crescente, gestão lula tem incentivado economia do nordeste, entrando muitas multinacionais dentre outras empresas e representações consulares. CIERI Trevisan ressalta que e muito importante essa representação consular, que inclusive foi desenvolvida pelo Bruno, quem esta participando dos CONERIs conhecem. O Curso de R.I da FIR tem 11 anos, um dos primeiros que começaram no Brasil, no nordeste sendo o primeiro. Eles querem melhorar a FENERI. Possuem um campus com excelente qualidade em infraestrutura, tendo também uma sala para SG com computador, telefone, um espaço para atendimento de alunos. O CIERI FIR tem maturidade suficiente para receber uma secretaria geral, pois já sediaram vários CONERIs, inclusive o próximo será sediado em Recife. O CIERI possui boa comunicação e relacionamento com os demais CIERIs no Brasil. Propostas: estudantes se sentirem representados, conheceram a SG como uma instituição representativa, realizações de projetos focais em todas macroregiões do Brasil, articulação com a mídia impressa e televisiva para trazer maior visibilidade ao nome da federação. Eles querem que daqui a dois anos uma sala de reunião esteja lotada. Querem fazer com que empresas abrem concursos para alunos de ri. Outros projetos são uma revista cientifica da FENERI, missões acadêmicas nacionais e internacionais. Tem o apoio do diretor geral da faculdade, do diretor acadêmico e do coordenador do curso de relações internacionais do curso de RI. Eles possuem CNPJ, estão regularizados. Eles vão melhorar o site da FENERI. Retomar o circuito de festas, divulgando as festas para internacionalistas. A mesa abre então para perguntas. O CIERI FACAMP pergunta sobre as pessoas que irão fazer parte do grupo, e já que ele estão se formando, quer saber quem serão as pessoas a fazer parte do grupo da SG. O CIERI FIR responde que ira treinar novas pessoas que irão substituir os que irão se formar, eles aproveitaram tempo até assumir a SG para treinamento. O CIERI Trevisan ressalta que no caso do Salomão, ele tem uma faculdade forte com pessoas fortes, muito bem capacitadas, ele ressalte que Salomão tem um carinho especial pela FENERI. O CIERI UFF iria perguntar o que CIERI FACAMP perguntou, e fala sobre o corpo de voluntários, eles tem duvidas sobre a equipe que forma a SG. Salomão responde que todos serão voluntários com benefícios, com desconto na mensalidade. O CIERI UNAMA pergunta sobre os novos integrante que estão entrando, se conhecem a federação, pois só participando de CONERIs para conhecer. Salomão responde que eles irão participar de CONERis e irão ter um treinamento essencial. A mesa abre então apra votação, Cieris a favor da candidatura do CIERI UNAMA são CIERI FACAMP, CIERI UFF, CIERI UNAMA. CIERIs a favor da candidatura do CIERI FIR são: CIERI FIR, Trevisan, ESPM-SP, ESPM-RS e CIERI Rio Branco, sendo que o CIERI FAAP se absteve. Sendo assim são três votos para o CIERI UNAMA e cinco votos para o CIERI FIR. O CIERI FIR foi eleito a sede da próxima Secretaria Geral da FENERI. A mesa encerra o evento na parte da manha no sábado. Mais tarde nesse mesmo dia a presidente da FENERI Larissa Salama recebeu uma carta que segue anexada a esta ata, assinada pelo CIERIs: FACAMP, UNAMA, UFF e UFRJ pedindo a impugnação da participação do CIERI Trevisan, alegando que o presidente deste era aluno formando não podendo portanto participar ativamente do CONERI. Foi realizada então uma Assembléia de Esclarecimento onde foi dado para o presidente do CIERI Trevisan Raphael Frizzo, um prazo de 2 meses para que esta enviasse para o CONERI uma carta de sua faculdade comprovando que ainda é aluno de Relações Internacionais. Ambas as cartas estão anexadas, comprovando assim a titularidade da participação do aluno, pois é aluno devidamente matriculado. Sendo assim a votação para a sede da próxima SG se mantém inalterada. Tornando legitimo a votação e a eleição do CIERI FIR para próxima Secretaria Geral.


Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©atelim.com 2016
rəhbərliyinə müraciət